www.facebook.com/alelocomerbemtdb twitter.com/AleloBrasil

Frutas, verduras e legumes – quais são seus benefícios e como podem ser consumidos

 

Nos dias frios, é comum diminuirmos o consumo de frutas, verduras e legumes porque buscamos opções de pratos mais quentes e calóricos, que nos ajudem a manter o corpo aquecido. Porém, as frutas e legumes são fontes de água, vitaminas, minerais e fibras, que têm papel importante para o bom funcionamento do corpo, auxiliando na promoção da saúde e prevenção de doenças.

Por isso, seja qual for a época do ano, é essencial manter uma dieta equilibrada, composta de alimentos de grupos variados – carboidratos, proteínas e gorduras. As frutas devem ser consumidas diariamente – entre três e cinco porções. Já os legumes e as verduras, o ideal é que sejam consumidos no almoço e no jantar.

 

Alimentos da estação

Uma dica para não deixar o consumo de frutas, verduras e legumes de lado é preferir aqueles que são de época – isto é, estão em seu período de safra, quando a colheita é bem maior e logo são encontrados com maior frequência em feiras e supermercados.

Banana, morango, pera, maçã, abacaxi, laranja e tangerina são algumas das frutas de inverno. Pera e maçã ficam uma delícia quando cozidas ou mesmo assadas com especiarias como canela e cravo, sendo uma boa opção para substituir os doces. Abacaxi e banana também são ótimas para o preparo ao forno. Já o morango pode ser consumido com iogurte ou mel ou em vitaminas e sucos. As frutas cítricas podem ser utilizadas em chás (com a casca), geleias e sucos.

Ao consumir as frutas sem preparo, recomenda-se usá-las inteiras ou, se cortadas, comê-las logo em seguida pois em contato com o ar elas perde um pouco de suas propriedades nutricionais. O mesmo vale para as bebidas batidas no liquidificador, que devem ser tomadas logo após o preparo. É importante também não batê-las por muito tempo, para garantir uma maior absorção de suas vitaminas e minerais.

Entre as verduras e os legumes, são desta época fria: abóbora, batata-doce, inhame, mandioca, mandioquinha, brócolis, couve, espinafre, palmito, agrião, mostarda e chicória, que podem ser aproveitados de diversas formas.

Abóbora e mandioquinha ficam muito bem em sopas cremosas batidas com ingredientes como cenoura e alho-poró ou misturadas a uma carne. Elas também servem como purês de acompanhamento, assim como a batata doce, que pode ainda ser cozida e servida em combinação com carnes ou ovos, por exemplo. O preparo na panela com água também vale para o inhame e a mandioca.

Folhas verdes como a couve podem ser cozidas a vapor, refogadas ou incorporados em pratos de carne, peixe, sopas ou mesmo em arroz.

 

Conheça os benefícios à saúde de alguns dos alimentos recém citados.

 

Banana – Rica em fibras, potássio, vitaminas C e A, é boa fonte de energia e possui um papel fundamental na prevenção e tratamento da gripe. Também ajuda a regularizar o sistema nervoso e o tratamento digestivo e evita câimbras.

Pera –  Tem alto teor de fibras, o que facilita a digestão e a saúde intestinal, em especial, se comida com casca. Também tem propriedades vasodilatadoras, graças ao potássio, o que ajuda a regular a pressão arterial, diminuindo assim as chances de desenvolver doenças cardiovasculares.

Maçã – Importante para o controle de doenças como colesterol e diabetes. Melhora a digestão, evita cáries e problemas dentários e pode aliviar dores de gastrite e úlcera gástrica.

Morango – Contribui para a cicatrização de ferimentos, circulação sanguínea e absorção de ferro. A presença de antioxidantes confere benefícios como o combate ao envelhecimento da pele e a prevenção de doenças cardiovasculares e de cânceres como o de próstata.

Abóbora – É fonte de vitamina A, carboidratos, vitaminas do complexo B, e fibras. Pouco calórica, ajuda a manter a saúde da pele, dos ossos e dos dentes e beneficia a visão.

Couve – Ajuda a combater problemas digestivos, do fígado e de cálculos renais, e pode aliviar dores causadas por úlceras gástricas. Graças ao alto teor de fibras, favorece a digestão e o controle do colesterol. Também proporciona benefícios à pele e ossos e tem ação desintoxicante no organismo.

Mandioquinha – Rica em carboidratos, é ótima fonte de energia e atua na regulação do trânsito intestinal. A presença de cálcio, fósforo e magnésio facilita a prevenção de doenças como osteoporose e anemia.

Basta usar a imaginação e o seu Alelo para comprar esses ingredientes e preparar uma comidinha deliciosa e nutritiva para os dias mais frios. Que tal?

 

Publicado : 19 de julho de 2018 as 12:24